sexta-feira, 15 de março de 2013

A Mulher com fluxo - A TUA FÉ - CURA

A TUA FÉ CURA

Mateus 9:21.22 21 Porque dizia consigo: Se eu tão-somente tocar a sua roupa, ficarei sã.
22 Tem ânimo, filha, a tua fé te salvou. E imediatamente a mulher ficou sã.

Não importa quão grande é o seu problema, quão grave é o estado clinico de sua saúde, se todos os médicos lhe desenganaram,  se as pessoas se afastaram, se os amigos desapareceram, se até mesmo você não aguenta, não quer mais ver-se, se já nem sequer quer viver, achas muitas vezes que não tem jeito, que irá morrer assim.
Olha-te agora e veja se ai estais é porque DEUS tem algo grande para ti e o grande querida (o) para DEUS é a sua vida compreenda que grande é a sua vida para DEUS e não coisas, bens, rituais, e sim a sua vida.
O que tem você querido mais que alegrar a DEUS, se perdeste o amor pela sua vida, pela sua alma.
Ora ama-te , ama a DEUS ,a JESUS e creias pois Ele só espera que você realmente queira e creia verdadeiramente, que você faça através da sua fé sincera sair de JESUS VIRTUDE. E SEREIS PLENAMENTE CURADOS.
A mulher que vemos em "mateus" 9: 21.22 a 12 anos tinha fluxo continuo e nessa época no período de fluxo normal a mulher era considerada impura, todos se afastavam dela, como se estivesse com uma doença contagiosa imaginem então para essa mulher que a 12 anos todos os dias tinha um fluxo que não cessava e nenhum médico sabia o que era e todos já tinham se afastado dela, imagino que até ela queria fugir dela, talvez tivera momentos que ela mesmo se achava impura, desmerecedora do amor de DEUS, da família, dos amigos.
Mas amigos ela ouviu falar de um homem chamado JESUS, e creu, creu com todas as suas forças, seu coração e quando creu amados, ela também nesse momento se amou ou seja, quis viver, quis ser curada, creu que podia, que merecia e que receberia, e não somente creu foi em busca Daquele que podia fazer por ela, e não houve obstáculo que a impedisse de chegar até JESUS, enfrentou a multidão que tinha medo de chegar perto dela, aqueles que falavam mau dela, aqueles que a julgaram e condenaram, porém queridos no coração dela só havia lugar para Aquele que a amava e daria-lhe a cura, a salvação, ela tinha um objetivo e foi em busca. E ao tocar em JESUS saiu virtude e Ele a sentiu verdadeiramente, plenamente e é isso que ELE quer de ti hoje senti-los verdadeiramente, plenamente e curá-los de todas as feridas sejam materiais, carnais, espirituais, pois tudo ELE pode e faz para aquele que verdadeiramente crê   CREIA E RECEBA, ELA RECEBEU CONTIGO NÃO SERÁ DIFERENTE SERÁ MAIOR E MELHOR.
A PAZ
Pra Lurdinei





Culpado ou Inocente? O Bode Expiatório

Conta uma antiga lenda que na Idade Média um homem muito religioso,
foi injustamente acusado de ter assassinado uma mulher.
Na verdade, o autor do crime era pessoa influente do reino e, por isso,
desde o primeiro momento se procurou um "bode expiatório" para acobertar,
o verdadeiro assassino.
O homem foi levado a julgamento, já temendo o resultado: a forca.
Ele sabia que tudo iria ser feito para condená-lo e que teria poucas chances,
de sair vivo desta história.
O juiz, que também foi comprado para levar o pobre homem à morte,
simulou um julgamento justo, fazendo uma proposta ao acusado,
para que este provasse sua inocência.
- Sou de uma profunda religiosidade e por isso vou deixar sua sorte,
nas mãos do Senhor: vou escrever num pedaço de papel a palavra INOCENTE,
e no outro pedaço a palavra CULPADO.
Você sorteará um dos papéis e aquele que sair será o veredicto.
O Senhor decidirá seu destino - determinou o juiz.
Sem que o acusado percebesse, o juiz preparou os dois papéis,
mas em ambos escreveu CULPADO de maneira que, naquele instante,
não existia nenhuma chance de o acusado se livrar da forca.
Não havia alternativas pra o pobre homem.
O juiz colocou os dois papéis em uma mesa e mandou o acusado escolher um.
O homem pensou alguns segundos e, pressentindo a "vibração",
aproximou-se confiante da mesa, pegou um dos papéis,
e rapidamente colocou na boca e engoliu.
Os presentes ao julgamento reagiram surpresos e indignados com a atitude do homem.
- Mas o que você fez? E agora? Como vamos saber o seu veredicto?
- É muito fácil. - respondeu o homem - Basta olhar o outro pedaço que sobrou,
e saberemos que acabei engolindo o contrário. Imediatamente o homem foi liberado.
MORAL DA HISTORIA:
Por mais difícil que seja uma situação, não deixe de acreditar até o último momento.
Saiba que, para qualquer problema, há sempre uma saída.
Não desista, não entregue os pontos, não se deixe derrotar.
Vá em frente apesar de tudo e de todos, creia que pode conseguir.